quarta-feira, 11 de janeiro de 2017

ESCOLHA A SUA AVENTURA!

Fala meus guerreiros e guerreiras!!!

(Que a essa altura estão achando até bizarro uma postagem nossa! Rsrsrs) 
De-cul-pi-nha ae U.U
Estes últimos dois meses tem sido de muito, MUITO trabalho, misturados a compromissos, mais trabalho, projetos, trabalho, e um pouco de tempo para eu e Athene namorarmos nean!? Afinal, merecemos! :D

Feliz natal! Feliz Yule! Feliz ano novo! Feliz páscoa! Feliz Ostara! Rsrsrsrs...

2017 começou para nós com muitos planos, aliás, estamos com grandes mudanças aqui pela casa e vamos reformular tudo!!! Deu a louca na unicórnio e no viking! XD
Não, falando serio, no ano que passou notamos que realmente gostamos muito de que o “Unicórnios e Barbas” exista mas não temos tanto tempo disponível full time para ele por compromissos, trabalhos, etc. 
Por isso, estamos reformulando nossos prazos de postagem, de gravação no canal, em fim, a ideia é que ninguém saia prejudicado e por isso continuaremos a postar, porém em diferentes prazos, ok?  Avisaremos proximamente ;)

Quanto ao tema de hoje, o tema de abertura do novo ano será: LIVRO-JOGO!
Já ouviram falar? E se eu dizer: Escolha a sua Aventura!!! Soa familiar?

Quando eu era um moleque de uns 8 anos eu tinha o hábito de acabar indo sempre na biblioteca do colégio ler HQs ou algum livro juvenil... (Era meio nerdão mesmo! XD)
Nesse tempo, lá em Montevidéu, descobri uma serie de livros chamada “Escolha sua própria aventura!” e acabei viciando neles após ter lido o primeiro... Se não me engano a coleção tinha uns 50 títulos diferentes, cada livro contava uma estória com começo-meio-e fim, e nessa estória/ aventura narrada em primeira pessoa, era quem lia que ia escolhendo qual caminho seguir... Ora saía vitorioso, ora morria algumas páginas após ter começado, o legal mesmo era como esses livros eram construídos!!


Eles que me deram o hábito e afeição pela leitura, pois não tinha como ler cada livro uma única vez, era impossível! Eu fazia a primeira aventura e logo depois começava novamente mudando os caminhos para ver em qual final parava. <3


Como que funcionava?
Em cada livro uma super capa ilustrava a aventura, e dentro dele algumas outras ilustrações em PB situavam graficamente o que ia acontecendo.
Após algumas páginas e quando se chegava ao primeiro ponto crucial da aventura, no rodapé da página, o livro dava 3 caminhos levando a diferentes páginas segundo a escolha feita e de lá a estória continuava segundo o que o leitor decidisse... Por exemplo:
Por exemplo, a primeira escolha que aparece em “O Abominável Homem das Neves”  é:
“Se você decidir cancelar a seu encontro com Runal e procurar o Carlos, vire para a página 7.
Se você acha que Carlos está bem e você segue com a ideia de ver Runal, vai para a página 8.”

FALA SE ISSO NÃO É A COISA MAIS LEGAL DO MUNDO!




Quando voltei pra cá cheguei a procurar, mas nunca mais vi estes livros, o mais próximos foram os livros-jogo ou livros RPG, mas eles usam dados além do falado acima, e não é a mesma coisa...

Os que me refiro aqui são de origem americana e foram criados depois do sucesso de Dungeons & Dragons, nos anos 80 justamente misturando elementos do RPG a um livro comum, o resultado foi além de bom!


Foram republicados em espanhol na Argentina, e outros países sul-americanos, mas foram os Argentinos que chegaram em Uruguai onde eu os li. (E nunca me deu por comprar nenhum porque estavam disponíveis na biblioteca, como fui idiota! Aff! U.U)
Estes livros eram do gênero chamado “hiperficção explorativa”  e eles tinham um lema próprio:

“As possibilidades são infinitas; algumas escolhas são fáceis, alguns sensatas, algumas imprudentes ... e algumas perigosas.  É você quem deve tomar as decisões. Você pode ler este livro muitas vezes e obter sempre resultados diferentes. Lembre-se que você decide a aventura e você é a aventura. Se tomar uma decisão imprudente, volte ao início e comece de novo. Não há escolhas certas ou erradas, mas muitas possíveis escolhas.”

Eles têm vários subgêneros, um focado para crianças, outro juvenil (que eram os que eu lia) outro dos falcões do espaço, as aventuras do jovem Indiana Jones e por último uma serie de terror.

A serie Argentina tem 70 livros, fora as outras series e a original em inglês que têm 90 livros.
Aqui no Brasil, eu pesquisei durante um tempo e fiquei sabendo que teve a publicação deles no fim dos 80 inicio dos anos 90 pela editora Ediouro que batizou o gênero como "Enrola e Desenrola" e as capas eram praticamente as mesmas e acredito que o conteúdo também. 




Sei que eles foram coisa dos 90 que nunca mais voltou ( daquelas coisas que dá dor no peito de não ter mais D: ) e algum tempo atrás pesquisei novamente e vi que tinha o primeiro título numa livraria daqui do sul, numa versão nova que não me deu tanta vontade de comprar e ter, pode até ser igual, mas desconheço. E só vi o primeiro volume.



Resumindo, bate uma saudades no peito quando lembro deles.<3
Já coloquei como meta pessoal que numa viagem futura para Montevidéu vou passar pente fino em quanto sebo conheço de lá para caçar esses livros!

A saudades é tanta que.... 
Tcha-tcha-tchããããã!!!!!!!!....
Ah! Vou fazer mais mistério! XD
Se querem descobrir o porquê de eu ter postado sobre este assunto hoje e descobrir algo ÚNICO! Aguardem nossa próxima postagem! ;)

VEM SURPRESÃAAAAAAAO!!!!!! NOVIDADES DAS GRANDES!!!!!! ANUNCIO BOMBÁSTICO!!!!...

Até o próximo post! :D

Hail!!!! E que os Deuses estejam com vocês!


1 Comment:

A Bela, não a Fera said...

Acabei de cair de paraquedas aqui e cara, eu amava essa coleção que tinha na biblioteca da escola!!!
Vou começar a ler a aventura que vocês estão criando agora. <3
A Bela, não a Fera | Youtube Channel | Vem conversar comigo no Twitter!

Postar um comentário

Seja gentil!
Nada de ódio!!
Faça amor não faça a barba!!